Esse ano, teremos as editoras Biruta e Gaivota como parceiras aqui do blog e ficamos muito felizes em contar essa novidade!

Para começar, quero que conheçam um pouco sobre elas.


A editora Biruta foi criada em 2000, em São Paulo. Tem como proposta oferecer livros com texto, projeto gráfico e ilustrações harmoniosos entre si, o que resulta em publicações originais e de qualidade, sem nunca subestimar a inteligência do leitor, sejam crianças ou adolescentes.
Publica tanto autores clássicos internacionais, quanto autores contemporâneos nacionais.

Nesse romance de estreia do autor, conhecemos Neil Basset Jr, um ex- redator publicitário que mora em San Francisco (por isso a capa) e atualmente trabalha em uma empresa de informática, Amiante Systemns. Apesar de não ser sua área de atuação, seu chefe tem muito interesse nele por um motivo primordial: a empresa está tentando desenvolver o primeiro computador inteligente do mundo a partir dos diários escritos pelo pai de Neil. 
Para ser considerado inteligente, o computador tem que passar no Teste de Turing, no qual, juízes conversam com um computador e com um ser humano, sem saber qual é qual. Se o computador, por trinta por cento do tempo conseguir convencer os juízes de que não é uma máquina, ele é considerado inteligente.
Além disso, o leitor também pode acompanhar a vida de Neil como um todo, suas relações amorosas, familiares e interpessoais.


Neste livro, conhecemos Perry Cook, um garoto de 11 anos que nasceu e mora em uma prisão de segurança mínima, o Instituto Penal Misto Blue River, localizado em Surprise, uma cidade de Nebraska.
Perry é o responsável por todos os dias acordar os residentes às 6h30 da manhã. Ele começa calma e lentamente, falando a previsão meteorológica, o cardápio do café da manhã, dando alguma dica literária e termina gritando “Toooooodos de pé!”.