Vamos supor que algo que você fez não tenha dado certo.
Só que você não fez nada pra saber o motivo do erro. Nem mesmo saber como podia fazer para reverter a situação. Desta forma, preferiu-se então se fechar e achar que a outra parte é injusta.
O vitimismo existe em vários aspectos. Pode ser um relacionamento frustrado, uma lesa financeira, um constrangimento, etc. Tudo isso quando se aceita a derrota sem fazer nada para apurar.
Tenho visto isso com escritores e também blogueiros. O vitimismo literário é quando uma resenha não sai como o esperado para o autor ou então quando o blogueiro se decepciona com um desprezo de autor parceiro. O pior de tudo é quando nenhuma das partes toma a frente para a apuração.
Para não entrar demais no mérito, o conselho que deixo é: analise os dois lados. Nem sempre o nosso ponto de vista é totalmente correto. Aprendemos muito quando reconhecemos nossos defeitos.

Muitas coisas podemos fazer para melhorar e também para evitar eventuais animosidades.

Leo Vieira

Acompanhe a campanha de incentivo à leitura "Leia + Livros", do Leo Terário.
® Leo Vieira- Direitos Reservados

4 Comentários

  1. Olá Leo, tudo bem contigo ???
    Gostei muito de seu texto. Tenho uma opinião bem parecida com a sua, mas confesso que nunca utilizei essa terminologia para compreender o fato.
    Já vi muitas pessoas, blogueiros e escritores passando por isso, eu mesma já passei por isso. É complicado, nós somos tentados a nos tornar vítimas, talvez seja uma defesa, talvez seja uma forma de transformar a situação em algo mais agradável, não sei. Mas, pelo menos no meu caso, com o tempo vi que não me adiantaria em nada ficar lamentando, era necessário agir, tentar novamente, buscar entender o que deu errado.
    Gostei muito de seu texto e te apoio !!!

    Beijinhos
    Hear the Bells

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Ryoko. Obrigado pelo comentário.
      Este texto foi resultado de muitas horas diárias de reflexão. Presenciei muitas amizades desfeitas e brigas ferrenhas desnecessárias. O mundo literário seria ainda melhor se cada um fizesse a sua parte para tornar tudo menos nebuloso.
      Grande beijo!
      Leo Vieira

      Excluir
  2. Olá, Leo.
    Muito bacana o seu texto e, consequentemente, o seu ponto de vista. Ainda não tinha ouvido falar em "vitimismo literário" para nomear essa ação. Muito bom mesmo!
    Historiar

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Thamiris. Obrigado pelo comentário.
      Fico muito feliz que tenha gostado. O vitimismo começa quando não estamos dispostos a pensar sob outro ponto de vista, além de tentar encontrar culpado para nossos problemas. O ego é o grande mal da humanidade. Nos relacionamentos literários, vamos construir pontes em vez de muros.
      Grande beijo,
      Leo Vieira

      Excluir

Obrigada pela visita e pelo comentário :)