Uma polêmica das grandes! O que fazer quando a resenha encomendada sai negativa e ofensiva?
Isso pode acontecer principalmente quando o blogueiro é preconceituoso e decide atacar pela sua ótica pessoal. Infelizmente não se pode agradar a todo mundo.
Antes de tudo, vou ensinar como evitar esse constrangimento. Primeiro, antes de entregar o livro, procure saber qual o gênero literário preferido do blogueiro. Se ele tiver um gênero que odeia, procure saber também.
Depois, peça antes que o blogueiro leia ressaltando a qualidade textual e gramatical. Se o resenhista descer o sarrafo no seu livro de zumbis simplesmente porque ele odeia a temática, saiba que não foi pelo seu livro ter sido ruim, e sim porque foi somente pelo gosto dele.
Se por acaso a resenha correu solta, não alimente a polêmica. Ficar fazendo alardes, com lamúrias públicas só vai servir de lenha na fogueira. Isso é tentar apagar o fogo com querosene.
Críticas públicas vão aumentar o ibope do blogueiro. Além de criar uma situação desconfortável para todos. Existe uma regra para nunca usar o telefone quando se está bêbado. Também não devemos tomar atitudes quando estamos zangados. Isso também se aplica à internet. Relaxe, tome um café, dê uma volta na rua, leia um gibi, pense em coisas boas e depois tome uma atitude com disciplina.
Se você ficou extremamente ofendido, você pode pedir gentilmente que a resenha seja removida do blog. Se o blogueiro também quiser devolver o livro, agradeça.
Caso nem uma nem outra coisa seja feita, não toque mais no assunto. Também não se vingue, para que isso não prejudique o seu lado. Caso o rumo das postagens ofensivas lhe prejudicarem demais, tome medidas judiciais cabíveis.
E a vida virtual literária continua. Todos nós erramos e aprendemos a não repeti-los, nem confiar novamente em certas pessoas.


Conheça também o Coliseu dos Quadrinhos
® Leo Vieira- Direitos Reservados


8 Comentários

  1. Oi Leo.

    Adorei o post e acho super válido. Não aconteceu comigo ainda, até porque sempre tento criticar para que melhore e não para acabar com a imagem de um autor ou de sua obra. Mas já vi muitos autores se ofenderem porque blogueiro disse que havia erros gramaticais no texto e já vi blogueiros pesando a mão demais na hora da resenha. Acho que tudo nesta visa tem que ser pesado e medido. :D
    Bjoks da Gica.

    umaleitoraaquariana.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pelo comentário, Giane. Que bom que gostou. Eu tenho visto também muitos blogueiros que fazem elogios desnecessários em obras só para não perderem a parceria com o autor e/ou com a editora. São vários erros graves: mentira, desonestidade e falsidade.
      Grande beijo,
      Leo Vieira

      Excluir
  2. Oi Leo!
    Muito bom seu post! Eu mesma não faço mais parcerias diretas com autores porque já vi vários autores indo se explicar na resenha negativa, sendo que a resenha não tinha nada ofensivo, a pessoa simplesmente não tinha gostado do livro.
    E concordo com seu comentário aí em cima: tem muita gente que só escreve resenha positiva, aí acaba perdendo a credibilidade, pois acho impossível alguém gostar de todos os livros do mundo.
    Acho que o ideal é ser sempre honesto, e com educação, claro!

    Beijos,
    Sora - Meu Jardim de Livros

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Sora. Obrigado pelo contato. É sempre bom analisar os dois lados de cada situação.
      Beijos!
      Leo Vieira

      Excluir
  3. Oi, Leo! Nossa, eu adorei o seu post, porque estava me perguntando como eu vou agir quando receber uma crítica negativa, que fatalmente vai acontecer.
    Só tenho contos publicados e ainda não os divulguei muito, mas a questão das críticas me apavora, principalmente quando eu conseguir lançar meu livro, se Deus quiser.
    Obrigada, você me ensinou muito.

    Beijos

    Meu Meio Devaneio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Soraya. Fico muito satisfeito ao saber que um texto meu teve utilidade. No seu caso, não tenha medo de expor suas ideias. Por mais que seja ruim para um ou magnífico para outro, antes de tudo é a sua linguagem que está apresentada.
      Um dos motivos para eu não ser criticado pela minha pouca habilidade para o desenho é a modéstia e deixar claro que eu não sou desenhista. Logo, os críticos percebem e apreciam pela linguagem que eu quero passar.
      Beijos,
      Leo Vieira

      Excluir
  4. Olá Leo,

    Gostei bastante do seu post, sempre faço minhas resenha sinceras, quando critico tento ser bem discreto e concordo muitos leem o gênero que não curtem e isso é um erro....abraço.

    devoradordeletras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que ótimo, Marco. Sempre bom saber que há blogueiros honestos, francos e que através de críticas sinceras, mantém o rumo da qualidade do escritor.
      Grande abraço,
      Leo Vieira

      Excluir

Obrigada pela visita e pelo comentário :)
Se você for blogueiro, retribuirei a visita assim que possível.